Rotina significa estabilidade. Mas porque mulheres "modernas" não gostam da rotina em relacionamentos?










Os homens estão reclamando muito mais nos dias de hoje do que antigamente, quando não existiam muitas novelas, internet e essa facilidade de um ver o que o outro tem na vida.
Então desde já conclui-se que as mulheres mais "moderninhas" querem é...competir! Competição, serem melhores, não ser uma b0sta quando comparada a alguma amiga ou prima, irmã, colega de trabalho, etc.
Elas querem é ser mais, ter mais, serem únicas e "poderosas", então dispensam o protótipo do estilo de vida tranquilo, aquele que víamos nos velhos tempos onde os casais se davam bem por se gostarem simplesmente, não porque frequentam algum lugar específico sempre, não porque compram naquela loja sempre e nem porque são adeptos aos novos modismos os quais chegam até a "vale night" = um dia aleatório para cada um ir para o seu canto.
E imbecil aquele que acredita que é pra sair com as amigas ou que o cara vai jogar futebol.
Mas voltando ao início: homens estão reclamando mais. Porquê? Porque suas parceiras não se contentam mais numa vida tranquila a dois. Querem se vestir não mais SOMENTE para eles (seus parceiros) e sim para serem vistas. Para sair, nos mais diferentes lugares, viajar, se possível nas cidades mais caras e belas, cheias de gente. Desejam TODOS os finais de semana que seu parceiro tenha a criatividade suficiente para fornecer sensações diferentes, sem monotonia, sem chatices de ficar em casa assistindo um filme; acham o cúmulo ficar em casa numa sexta-feira, acham degradante para a mulher que as férias passem em branco sem viagens, detonam seus maridos para os outros nas conversas se eles não conseguem despertar nelas as emoções de um relacionamento com idas e vindas.
Ouço caras reclamando da mulher que insiste em exigir "novidades" por parte do homem, sejam lugares novos, viagens, restaurantes, lojas, festas e outras festas, presentes, eventos modinha, novo visual, encontros de multidões (querem ser vistas), reclamam de viver uma "vidinha" simples, entre outras perturbações.
Para vocês terem uma ideia, recebo opiniões de mulheres que se sentem excitadas e entusiasmadas só pelo fato de desconfiarem que seus parceiros a estão traindo com outra mulher. É como se ela vivesse numa constante montanha russa de sentimentos e emoções (igual a crianças quando estão num parque se divertindo) e soltam o bordão: "aiinnn, meu relacionamento caiu na rotina".
Lugares novos todo fim de semana, confusões (por briguinhas, sim elas gostam!), a incessante vontade de sentir-se vista e até desejada, de intranquilizar o relacionamento, de sair de uma rotina certa, de sempre estar no meio dos últimos eventos sociais, enfim, a lista de exigências insanas delas é enorme e se não cumprida pelo homem com o qual está, certamente o chutará sem pena e jamais fará esforço pra compreendê-lo e tornar o tempo que passam juntos prazeroso a ambos.
Todas estas atitudes de mulheres que acham entediante só o fato de estarem conversando a sós com seus parceiros e outras atitudes que mencionei acima fazem com que elas não enxerguem NUNCA que uma vida a dois de forma linear livre de surpresas desagradáveis (sem "chacoalhões" emocionais para ambas as partes) e tranquila sempre terá estabilidade, sempre será um relacionamento muito mais saudável e livre de perturbações, desentendimentos e estresse.
Óbvio que não precisa ser um relacionamento "tetris", com as mesmíssimas peças se encaixando nos mesmos moldes.
Porém a exigência por parte das mulheres doutrinadas a serem "felizes a qualquer custo e chute o balde se ele não conseguir te satisfazer" é que esmaga e detona a maioria dos namoros, casamentos, etc.
Se a rotina linear de relacionamento entre um homem e mulher fosse ruim não teríamos casais juntos a mais de 30, 40, 50 anos. Pense nisso!
É, meu caro, relacionamentos hoje em dia com mulheres deste tipo estão causando para muitos...mais esgotamento emocional do que o causado pelo trabalho. Então, já sabe: mulher que diz que odeia rotina é porque exige de forma surreal... caia fora!

Nenhum comentário :

Postar um comentário