Relato

Acabei sendo expulso do meu curso de inglês, comecei a jogar umas reais e verdades pras meninas. Antes de começar as aulas a gente fica conversando e elas só ficam falando de festas, baladas, em vez de falarem sobre as aulas ou de outras coisas.
Eu cheguei e falei, mas sem xingar ninguém, que essa mulherada que vai pra certas festinhas fechadas e baladas não me servem pra namorar e nem pra muitos amigos meus. Elas ficaram pu7as da vida. Só expus meu pensamento sobre meninas que ficam até madrugada por aí em festas e depois dão pros caras, sem compromisso com nada.
Nessa última aula, na quinta feira falei de novo, mas agora sem medo nenhum estas coisas aí que escrevi e mesmo sem xingar nenhuma delas, 2 delas foram até a professora e depois da aula veio um cara que é sócio da escola e disse que eu não podia mais continuar lá. Pow, eu só dei minha opinião sobre essas minas que sempre antes das aulas ficavam ali falando de festas, até me chamaram pra ir, mas como nunca curti e nem curto essas p0rr4s, fiquei só de ouvido pra saber o que rolava.

Só put@ri@s, uma falando pra outra que cara que pegou, que levou pra casa dele e transou e tals, detalhes, uma outra disse que ficou muito bebada e depois nem sentiu nada do cara enfiando nela, depois outra que diz que não perde um único show e nunca ficou em casa no sabado ou namorou qualquer cara que não goste de agitos, ficaram contando que saíram até com homem casado e uns que tem namoradas, e quando fui falar que menina que vai nesses lugares pra mim não presta, começaram a me xingar aí sim de nomes. Bem, vou pra outra escola, mas que elas ouviram que só servem para sexo e tchau, ouviram.

Relato enviado por leitor

Nenhum comentário :

Postar um comentário