Amigos de verdade e amigos que te sacaneiam: preste mais atenção









Passe a analisar com mais atenção as atitudes de certas pessoas que você considera "amigos" quando estão com eles. Não precisa ser um robô paralítico que no meio das conversas não participa, não ri e nem opina, mas o importante é saber se você é o palhaço da galera no sentido ruim, de só estar ali para servir de motivo de risos entre os outros. Tente analisar e perceber isso, caso esteja ocorrendo, para não ser um trouxa!

Exemplo na prática: conheço idiotas que saem com um grupo para beber e sempre tomam álcool além da conta, passando vergonha com atitudes mais idiotas ainda, sempre influenciado pelo restante dos "amigos" ali presentes. Existe gente que é induzida ao erro somente para servir de bobo da corte e fazer a galera rir sem parar todas as vezes que se juntam para algum evento.

Com mais frequência isso acontece entre colegas de trabalho (veja, eu escrevi colegas!), muitos não têm a noção do limite da intimidade e acabam sempre precisando de uma pessoa para ser o "degrau" para se pisar e subir um nívelzinho da autoestima. O problema é que muita gente não percebe que está sendo, em certas situações, até usado. E passa a ser o debiloide gratuito da história.
Amigo de verdade conversa sem pressa, te dá conselhos, conta as histórias dele, e quando chega na sua hora de falar ele dá a mesma atenção, te ouvindo com respeito e capacidade até de se colocar em seu lugar para saber o que você está sentindo. 

Há cumplicidade (um exemplo: em relação a um segredo, uma história que você queira sigilo), há compreensão (um exemplo: no caso de você não poder ir de última hora naquele compromisso marcado há dias), há parceria (um exemplo: uma ajuda em algum problema urgente que surja ou algo que você precise de uma força de alguém de confiança para poder fazê-lo). Entre outras atitudes que demonstram diferenças gigantescas entre quem te considera como amigo e quem está quase literalmente cagando para você e o que pensa.

2 comentários :

  1. Nossaaa... não sei se to horrorizada com o texto ou com os comentários!!! Concordo sim q ser mãe solteira é foda, que entrar na vida de uma mulher com filho é foda (e qto mais filhos, mais foda), mas não vamos generalizar... nem toda mãe solteira é puta e nem todo cara q sai com elas quer só comer... eu sou um exemplo disso é por isso resolvi comentar. Fui casada por 15 anos, tenho 1 filho e EU pedi a separação. Hj sou casada novamente com um homem sem filhos, mais novo do que eu, meu filho mora conosco, visita o pai regularmente, que tb casou de novo, com uma mulher com filhos e estamos mto bem obrigada!!! Acho q diante de tudo q li, sou abençoada!!! kkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Comentou em post errado, vovó

      Excluir